Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

luís soares

Blog do escritor Luís Soares

The revolution WILL be televised.

A primeira vez que ouvi falar em IPTV e no futuro da distribuição de tv por redes IP, tudo eram dificuldades. A fibra ótica estava no seu princípio, as redes tinham de ser repensadas de raiz, a instalação era tão complexa que alguns clientes desistiam a meio do processo.

Ainda há mais tempo, digamos... uns 15 anos, a Internet começava a massificar-se e eu já achava que o utilizador era o conteúdo e que o futuro da revolução digital estava ligado à forma como transformávamos os consumidores em produtores, como, de alguma forma, criávamos novos autores, novas noções de autoria, todo um mundo novo. Na altura o projeto chamava-se Terravista. Está tudo aqui.

Entretanto aconteceu tudo, o Youtube, o Google, o SAPO, o Facebook, centenas de milhões de pessoas ligadas, smartphones e tablets, connected TVs e tentativas de controlo, censura, taxação. Hoje aquilo que existe ultrapassa em possibilidades, em oportunidades, em ameaças, em medos e em caminhos possíveis, tudo o que poderíamos imaginar há quinze anos.

Hoje, a empresa onde trabalho lançou um novo serviço de nome MEO Kanal. O MEO Kanal vai permitir a milhares de utilizadores aceder ao mundo da televisão. Sim, já todos podemos ter blogs e tumblrs e twitters e facebook, cem perfis, mil amigos, mas os mais tradicionais dos media continuavam-nos, de alguma forma vedados. Com o nascimento do MEO Kanal, a televisão como a conhecemos acaba de explodir. Sim, só funciona dentro da rede MEO, é exclusivo para clientes, está a começar como modelo, mas não deixa de ser uma revolução.

O MEO Kanal uma ferramenta poderosa de democratização e de publicação de conteúdos, um próximo passo natural na revolução digital que atravessa todos os meios, desde a Internet ao televisor que temos em casa. E pela mão do SAPO, o MEO apresenta um serviço inovador e (tanto quanto sabemos) sem par a nível mundial.

É simples. Qualquer cliente MEO passa a poder criar o seu próprio canal de televisão, nele colocar os seus vídeos, as suas fotografias, ordená-los, programá-los, dar largas ao seu narcisismo, à sua criatividade, contar histórias, ser repetitivo e aborrecido, pretensioso ou popular. É como quiserem.

E sim, como é evidente, já tenho o meu próprio canal, no número 808380. É fácil, para quem for cliente MEO: botão verde > 808380.