Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

luís soares

Blog do escritor Luís Soares

O Ladrão de Bagdade.

Faz parte da minha mitologia cinematográfica que o primeiro filme que vi no cinema foi "O Ladrão de Bagdade" no Apolo 70, uma sessão especial ou infantil, nem sei bem. Calculo que tenha sido a versão de 1940, de Michael Powell e não a versão muda de Douglas Fairbanks, de 1924. Em dezasseis anos o cinema tinha passado do mudo ao sonoro, do preto e branco à cor, o mundo estava em guerra e o século XX começava a desenhar o seu perfil de horror e esperança, globalização e mobilização integral pela tecnologia. E eu, quase quarenta anos depois, estava lá para ver.

Ficam aqui abaixo, por ordem, o trailer do filme de Michael Powell, o filme de Douglas Fairbanks em versão integral residente no YouTube (esperemos que dure) e ainda uma imagem da homepage do SAPO, hoje a preto e branco em homenagem à presença de "O Artista" entre os nomeados para melhor filme.