Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

luís soares

Blog do escritor Luís Soares

Caeu

Música: Caeu
Artista: Liniker
Produzido por Vulkania

BANDA:
Liniker Barros (voz)
Guilherme Garboso (bateria)
Márcio Bortoloti (trompete)
Rafael Barone (baixo)
Willian Zaharanszki (guitarra)
Bárbara Rosa (backing vocal)
Ekena Monteiro (backing vocal)
Renata Santos (backing vocal)

PRODUÇÃO COLABORATIVA:
Paulo Costa
Leila Penteado 
Dré Guines | GOMAinc.
Nivaldo Dakuzaku
Breno Rodrigues
Dado Marcondes
Paulo Delfini
Pericles Zuanon
Marcia Bolsoni
Amanda Zaharanszki
Rodolfo Zaharanszky

Quando Bate Aquela Saudade

Direção: Rubel
Produção: Danielle Villanova
Roteiro: Maíra Motta, Pedro Riguetti e Rubel 
Fotografia: Tiago Rios e Guilherme Tostes
Arte: Luisa Pollo
Figurino: Anouk Zee e Victoria Reis
Produção de Elenco e Figuração: Cristiana Carvalho
Edição: João Pedro Diaz e Rubel 
Correção de Cor: Guilherme Tostes 

Dedicado à memória de Theo Back 

Ciranda para Janaína

filmed by Jeremiah.

A cantora, compositora e violoncelista franco-brasileira Dom, que já colaborou para ícones da música francesa como Jane Birkin, Jeanne Moreau e Camille, se apresenta ao lado do compositor e violonista paulista Kiko Dinucci. No repertório, chansons clássicas dividem espaço com obras autorais de Dom e Kiko.

Choro Virtuoso

After four chords, the notes start to fly — Danilo Brito and his four collaborators, three Brazilians and one American, are off like jackrabbits in front of a hound, having hustled their instruments to the Tiny Desk at the end of a North American tour.

Brito a 32-year-old mandolin player, made his first record when he was a teenager, plays a type of music called choro.

It's said that choro started in the streets and back yards and made its way to the concert hall. Brazilian musicians of all genres have drawn on choro, from popular composer Antonio Carlos Jobim to Heitor Villa Lobos, one of the giants of Latin American classical music. Its literal translation from the Portuguese is "to cry," but in Brito's dextrous hands a better translation may be "crying out to be heard."

You can hear Brito and his colleagues play their arrangement of Villa Lobos' "Melodia Sentimental," originally written for voice and orchestra, behind the Tiny Desk, but what you're actually hearing is a kind of formal Rodas de Choro, the circles of players who developed this music more than a century ago and have carried it on to the present.

Only — in the backyards, they don't wear suits and ties.

 

Set List
"Sussuarana"
"Lamentos"
"Tica"
"Melodia Sentimental"
"Pega Ratão"

Musicians
Danilo Brito (mandolin); Carlos Moura (7-string guitar); Guilherme Girardi (guitar); Lucas Arantes (cavaquinho); Brian Rice (pandeiro)


Credits
Producers: Tom Cole, Bronson Arcuri; Audio Engineer: Josh Rogosin; Director: Colin Marshall; Videographers: Morgan Noelle Smith, Bronson Arcuri, Colin Marshall; Production Assistant: A Noah Harrison; Photo: Ariel Zambelich/NPR.

Cem anos de 'Carinhoso'

“Carinhoso”, de Pixinguinha, completa 100 anos em 2017. Zélia Duncan, Monarco, Chico Buarque, Joyce e Carminho gravaram a canção, que tem letra de Braguinha, para celebrar a ocasião. O IMS convida todos a gravar sua versão desse clássico da música brasileira e compartilhar usando #diadecantarCarinhoso nas redes sociais.

 

Em 23 de abril de 2017, comemoram-se os 120 anos de nascimento de Pixinguinha: www.pixinguinha120.ims.com.br

Vamos celebrar com uma programação especial no IMS Rio de Janeiro e o lançamento de um site inteiramente dedicado a ele, reunindo farta documentação sobre sua vida e sua obra como compositor, arranjador e intérprete. #Pixinguinha120anos

Elza Soares - Mulher do Fim do Mundo

MULHER DO FIM DO MUNDO

(Romulo Fróes e Alice Coutinho)

Meu choro não é nada além de carnaval
É lágrima de samba na ponta dos pés
A multidão avança como vendaval
Me joga na avenida que não sei qualé

Pirata e super homem cantam o calor
Um peixe amarelo beija minha mão
As asas de um anjo soltas pelo chão
Na chuva de confetes deixo a minha dor

Na avenida deixei lá
A pele preta e a minha voz
Na avenida deixei lá
A minha fala, minha opinião
A minha casa, minha solidão
Joguei do alto do terceiro andar
Quebrei a cara e me livrei do
Resto
Dessa
Dida,
Na avenida,
Dura
Até
O fim

Mulher
do fim
do mundo
Eu sou
Eu vou
Até o fim
Cantar

A MULHER DO FIM DO MUNDO
www.twitter.com/elzasoares
www.facebook.com/elzasoaresoficial
www.instagram.com/elzasoaresoficial


Clipe A Mulher do Fim do Mundo:
Direção e Montagem: Paula Gaitán
com Grace Passô, Mafalda Pequenino, Mariana Nunes, Rene Ferrer, Daniel Passi.
Produção Executiva: Eryk Rocha
Direção de Fotografia: Lucas Barbi
Direção de Arte: Diogo Hayashi
Figurino: Maíra Senise
Direção de Produção: Juliano Almeida e Fernanda Hiraga
Assistência de Montagem: Sofia Tomic
Assistência de Fotografia: Lina Kaplan
Assistência de Arte: Giulia Puntel
Adereços: Victor Hugo Mattos
Assistência de produção: Jéssica Silva

FICHA TÉCNICA
KIKO DINUCCI - Guitarra e repique de anel
RODRIGO CAMPOS - Cavaco
MARCELO CABRAL - Baixo e Synth
FELIPE ROSENO - Percussões
GUILHERME KASTRUP - Bateria
CUCA FERREIRA - Flauta
ARAMÍS ROCHA - Violino
ROBSON ROCHA - Violino
EDMUR MELLO - Viola
DENI ROCHA - Cello
Arranjo de base: Kiko, Rodrigo, Cabral, Roseno e kastrup
Arranjo de cordas: Cabral