Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

luís soares

Blog do escritor Luís Soares

That's the thing about fans...

...If they like one thing you do, and you don't do the same thing again, they can feel let down. I never understood that way of thinking, so it means nothing to me, sorry. Why on earth would you want everything to be the same all the time? You can go back and listen do Daisies of the Galaxy anytime you want to. I don't need to do it again. That said, I don't set out to dazzle the world with my 'versatility'. I just have some things in me that need to come out. If you only like one kind of music, sorry again, but life's too short. Every record I've ever put out has been met with some torrent of angry fan mail because it wasn't what they expected. If you want what you expect, why not make your own album, then? I'm just trying to make mine, and it's probably not what you're expecting. I'm glad we had this little talk.

in 'Things The Grandchildren Should Know', Mark Oliver Everett

Isto anda tudo ligado.

 

O passado fim-de-semana soube bem, com amigos, perto do mar e daí resultaram algumas coisas e coincidências, daquelas que me agradam. Tomemos por exemplo uma t-shirt de Eels a propósito do álbum "End Times". Ambos vieram parar às minhas posse pela mão generosa e simpática de um amigo. Ambos usam ilustrações excelentes de Adrian Tomine. Adrian Tomine é o autor de uma das coisas que ando a ler, uma graphic novel chamada "Sleepwalk", que é uma colecção de pequenos contos, fatias de um quotidiano sem causa ou consequência, um pouco tristes, um pouco divertidas, momentos de vidas que até podiam ser a nossa. Quanto aos Eels, vêm a Lisboa ao Coliseu apresentar um novo álbum, segundo esta notícia, dada por um site que é parceiro deste outro, para cujo lançamento contribuí esta semana.

Isto anda tudo ligado, não anda? Acrescente-se que do dito fim-de-semana resultaram umas dúzias de fotos. Dessas publiquei algumas, uma madrugada lenta perto do mar que está em álbum no meu Facebook (um exemplo aqui acima à direita), para quem conseguir ver, sob o nome "Slow Dawn", que inevitavelmente na minha memória evoca este Slow Show dos The National.