Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

luís soares

Blog do escritor Luís Soares

Ainda a Susan Boyle.

Sempre que falo sobre ou por acaso dou uma aula sobre conteúdos, audiovisual, direitos, digo que a vida está boa é para os advogados. O sucesso tremendo do patinho feio escocês com voz a contrastar no You Tube, parece ser só mais uma prova disso mesmo. Comprove-se neste artigo da Wired.

Susan Boyle.

Não vale a pena meter aqui o vídeo que toda a gente já viu e muita gente reviu. Este artigo do New York Times resume de forma bastante completa as questões que se levantam no extraordinário sucesso da actuação da quarentona estreante da aldeia, Susan Boyle. Resta saber o que é que isto tudo quer dizer.

A maior parte dos concursos de talentos, reality shows, castings, presenças mais ou menos histriónicas nas múltiplas plataformas que hoje, mais do que nunca, permitem aos desconhecidos procurar o estrelato não reflectem de um modo geral, uma verdadeira vontade de afirmação pessoal, mas antes um impulso de transformação, do anonimato para o mundo da fama, com tudo o que isso implica.

O encanto de Susan Boyle (para além da sua voz) residirá e continuará a residir na sua figura atípica? Ambicionará ela mudar? A mudança será para melhor? Haverá fuga possível aos estereótipos dominantes? A democratização do acesso poderá finalmente significar mudança? Ou apenas mais um momento devorado pela sociedade do espectáculo?